YouTube remove vídeos do canal de Bolsonaro por fake news sobre covid

Imagem: Shutterstock/Reprodução

Na última quarta-feira (21), o YouTube tirou do ar 15 vídeos, que incluem transmissões ao vivo, do canal do presidente Jair Bolsonaro. Segundo consta no site, os conteúdos foram removidos por violar as regras da plataforma, que pune materiais que disseminam informações falsas sobre a covid-19.

A assessoria da rede informou que os vídeos retirados mencionam que hidroxicloroquina e ivermectina são eficazes para o tratamento e prevenção da doença, além de reforçar que o uso de máscaras não funciona para diminuir a propagação do vírus.
Antes disso, o canal de Bolsonaro já havia passado por uma “limpa” da rede. Em maio, foram deletados 12 vídeos pelo mesmo motivo. A empresa afirma que todos os usuários da plataforma são penalizados da mesma forma, independente de “quem seja o produtor de conteúdo ou de visão política”.
Com a remoção, o perfil de Bolsonaro recebeu um Alerta do Usuário. Se cometer mais uma infração das políticas do site, ele deve ser penalizado com uma semana de suspensão da rede.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp