Will Smith é banido da cerimônia do Oscar por 10 anos

O tapa dado em Chris Rock na premiação deste ano, gerou muita repercussão e uma punição para Will Smith. Vencedor da categoria de Melhor Ator por “King Richards: Criando Campeãs”, o autor foi proibido pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood de participar de qualquer evento da organização, incluindo o Oscar, até 2032.

Em comunicado enviado à imprensa internacional, Will Smith se posicionou. “Eu aceito e respeito a decisão da Academia”, diz ele. Na semana passada, o ator havia renunciado à Academia devido ao episódio do tapa em Chris Rock. “A lista daqueles que machuquei é longa e inclui Chris [Rock], sua família, muitos de meus queridos amigos e entes queridos, todos os presentes e o público global em casa”, disse Will Smith.

O episódio

Na cerimônia do Oscar deste ano, Chris Rock comparou Jada, esposa de Will Smith, com a personagem de Demi Moore em “G.I. Jane”, uma mulher careca. Porém, Jada sofre de uma condição chamada Alopecia, uma doença autoimune que causa perda de cabelos e impede o crescimento regular dos fios.

Após o comentário, dito ao vivo durante um discurso, Will Smith subiu ao palco e deu um tapa na cara de Chris. Após retornar ao assento, gritou: “Deixe o nome da minha mulher fora da p*rra da sua boca”.

Leia a íntegra da carta divulgada pelo presidente da Academia, David Rubin, sobre a pena de 10 anos:

“A 94ª edição do Oscar deveria ser uma celebração dos muitos indivíduos em nossa comunidade que fizeram um trabalho incrível no ano passado; no entanto, esses momentos foram ofuscados pelo comportamento inaceitável e prejudicial que vimos o Sr. Smith exibir no palco.

Durante nossa transmissão, não abordamos adequadamente a situação na sala. Por isso, lamentamos. Esta foi uma oportunidade para darmos um exemplo para nossos convidados, espectadores e nossa família da Academia em todo o mundo, e ficamos aquém – despreparados para o fato inédito.

Hoje, o Conselho de Diretores convocou uma reunião para discutir a melhor forma de responder às ações de Will Smith no Oscar, além de aceitar sua renúncia. O Conselho decidiu, por um período de 10 anos a partir de 8 de abril de 2022, que o Sr. Smith não poderá participar de nenhum evento ou programa da Academia, pessoalmente ou virtualmente, incluindo, entre outros, o Oscar.

Queremos expressar nossa profunda gratidão ao Sr. Rock por manter a compostura em circunstâncias extraordinárias. Também queremos agradecer aos nossos anfitriões, indicados, apresentadores e vencedores por sua postura e graça durante nossa transmissão.

Esta ação que estamos tomando hoje em resposta ao comportamento de Will Smith é um passo em direção a um objetivo maior de proteger a segurança de nossos artistas e convidados e restaurar a confiança na Academia. Também esperamos que isso possa iniciar um tempo de cura e restauração para todos os envolvidos e impactados.”

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp