Secretário da Fazenda é exonerado e Sefaz trocará de gestor pela terceira vez no ano

Sem completar um mês na função, Paulo Antenor foi exonerado.

O Diário Oficial do Estado trouxe nessa quarta-feira (16) o anúncio de exoneração de Paulo Antenor de Oliveira, secretário da Fazenda, e ressalta que a saída foi a pedido do próprio. Paulo não chegou a completar nem um mês na função e agora a Secretaria da Fazenda (Sefaz) do Tocantins terá uma nova troca de gestor, pela terceira vez desde outubro deste ano.

A nomeação do novo secretário é definida pelo governador em exercício Wanderlei Barbosa (Sem partido), que nomeou interinamente o secretário executivo do tesouro, Donizeth Aparecido Silva. Paulo Antenor foi secretário da Fazenda durante o governo Marcelo Miranda (MDB) e quando ocupou a cadeira, em 22 de novembro, substituiu Jaime Mariano, agora secretário de Infraestrutura. Por sua vez, Jaime substituía Sandro Armando, que deixou o cargo quando Mauro Carlesse foi afastado.

A Sefaz é responsável por gerenciar a arrecadação de impostos e tributos do Estado, além de ser responsável pela administração financeira e contábil. O secretário interino é graduado em ciências contábeis e é especializado em contabilidade e controladoria.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp