Rússia cortará o fornecimento de gás para a Europa a partir de quarta-feira (27)

Rússia informou que cortará o fornecimento de gás para a Europa a partir de quarta-feira (27). A atitude é uma forma de responder ao apoio que os países ocidentais têm fornecido à Ucrânia. As informações são da Reuters.

Ao mesmo tempo, ataques na região do Mar Negro levantam dúvidas sobre se os russos cumpriram o acordo assinado em conjunto com a Ucrânia sobre a exportação de grãos.

Segundo o acordo assinado na sexta-feira (22), os primeiros navios ucranianos já poderiam zarpar, mas mísseis impediram essa movimentação na cidade de Odesa, uma das principais cidades portuárias do país.

Os países da União Europeia (UE) buscam alternativas ao gás russo. Nesta terça-feira, o bloco deve aprovar uma proposta de emergência para tentar controlar a demanda de gás, já se preparando para um corte total.

Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), o aumento dos custos de energia e a ameaça da fome reforçam que este é o maior conflito que o continente vive desde a Segunda Guerra Mundial. Entrando no sexto mês de conflito, a guerra já deixa de causar impactos somente na Ucrânia.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp