Provas de condicionamento físico são executadas em nova etapa do Concurso Público do Corpo de Bombeiros Militar

O final de semana foi de muito esforço para os 345 candidatos que disputam as 115 vagas dos cargos de Cadete e Soldado 2ª classe, junto ao Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins. Nos dois dias, todos passaram pelo Teste de Aptidão Física (TAF), em seis modalidades diferentes. Quem conseguiu índice, segue para a próxima etapa.

Estrutura montada na pista de atletismo da UFT recebe candidatos do Concurso do CBMTO

As provas ocorreram durante todo o dia de sábado, 07, e domingo, 08, na pista de atletismo da Universidade Federal do Tocantins (UFT), com a maioria das atividades previstas no edital, e no Colégio Militar executou-se a natação. No domingo, apenas a UFT sediou as provas valendo índices para o certame.
No geral, os candidatos tiveram que apresentar boas condições para execução de equilíbrio dinâmico, flexão de braço em barra fixa, abdominal, flexão de braço em solo e corrida. Como eram 345 concorrentes, os trabalhos entraram pelas duas noites.

Acompanhamento

Durante os dois dias, a exemplo das demais etapas, oficiais do CBMTO acompanharam de perto a execução das provas. O coronel Carlos Eduardo de Souza Farias, presidente da Comissão de Concurso, esteve sábado nos locais dos testes, e aproveitou para desejar boa sorte aos candidatos. “É mais uma etapa executada com êxito”, afirmou o coronel.

Coronel Farias (E), acompanhou parte das provas do TAF

Farias destacou, contudo, que “esta é uma etapa necessária para que a gente possa ter um padrão mínimo”. “Sabemos que uma excelente condição física só é conseguida com o tempo, porém precisamos, inicialmente, que o ingresso tenha, no mínimo, um condicionamento que consigamos trabalhar e melhorar durante o período de formação, e é essa a condição mínima que o TAF pontua”, relatou.

Sobre as provas executadas, o coronel afirmou que, “em específico ao equilíbrio dinâmico, que ele [o candidato] não tenha fobia a uma das atividades de bombeiro militar, que é a altura, como também a condição do trabalho na água, que ele tenha condição mínima de nadar. Não dá pra pegar uma pessoa e ensiná-la a nadar, então ela tem que ter o padrão mínimo”.

Para que os candidatos pudessem executar as atividades normalmente, no período noturno, os organizadores do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção de Promoção de Eventos (Cebraspe), instalaram luminárias ao redor da pista de atletismo.

O major Nilton Rodrigues, diretor de Ensino e Pesquisa do CBMTO, e membro da Comissão de Concurso, pontuou que “foi possível selecionar os mais aptos fisicamente, uma vez que a função que vão exercer, exige um condicionamento físico ideal”.

Boa parte dos candidatos a gente viu que estava em boas condições, bem preparada. Alguns, no entanto, parece que não se atentaram muito às regras do edital e não se prepararam, não conseguiram êxito nessas provas”, completou.
O resultado do TAF será publicado dia 20 de agosto. E no dia 13 de setembro, será o teste psicológico. “Todos que obtiverem aptidão física serão automaticamente convocados para o exame psicológico”, disse o major.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp