Polícia se mobiliza após ameaça de massacre em escola pública de Araguaína

Suspeitos criaram um perfil em uma rede social para publicar ameaças.

Uma ameaça de massacre em escola pública de Araguaína assustou alunos e professores nesta quarta-feira (6). Um perfil sob o a identificação “@massacregd_araguaina” publicou a mensagem “Hoje às 13h vou matar todo mundo no Colégio Estadual Guilherme Dourado em Araguaína, eu e minha tropa, se tiver polícia vai ter tiroteio para todo lado (sic)”.

Foto: Divulgação

O texto gerou repercussão e por volta das 10h o perfil foi excluído. Além da mensagem, a postagem contava com um um print de um grupo no WhatsApp, supostamente criado para organização do massacre. “Vou matar todos os professores e alunos. Vamos fazer a maior morte em escola (sic)”, dizia um membro do grupo.

Equipes da Polícia Militar foram até o local para acalmar a comunidade escolar e fazer uma ronda de segurança. A Polícia Civil já tomou conhecimento da ameaça, segundo a direção da escola, um estudante da unidade viu a postagem em um grupo de notícias e notificou a coordenação do colégio.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp