Operação Velar: Polícia Federal investiga suspeito de armazenar 600 imagens de pornografia infantil em Araguaína

Nesta quarta-feira, 13, a PF cumpriu um mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça Estadual do Tocantins, que investiga um homem suspeito de armazenar 672 fotos e vídeos com conteúdos pornográficos envolvendo crianças e adolescentes no município de Araguaína.

A operação apura a divulgação desse material, a equipe apreendeu celulares, CDs e HD de computador na casa do suspeito para coletar provas de outros envolvidos na transmissão e armazenamento do conteúdo.

A investigação é uma cooperação técnica investigativa entre a Polícia Federal e National Center for Missing and Exploited Children (NCMEC) ou em português, Centro Nacional para Crianças Desaparecidas e Exploradas. A organização informou à PF sobre um morador da cidade que armazenava uma quantidade significativa de imagens com conteúdo relacionado ao abuso infantil.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp