Mudanças no PIX para evitar fraudes

Banco Central aprova uma série de mudanças restritivas que entrarão em vigor a partir do dia 4 de outubro

A forma mais fácil e rápida de transação bancária acabou ficando muito perigosa com o decorrer do tempo, os golpes de estelionato ou o “sequestro do Pix” fizeram o BC aprovarem as restrições para evitar o aumento desses golpes.
Uma das mudanças será o limite de R$ 1 mil reais em transferências noturnas, o limite pode ser alterado mas é preciso uma aprovação prévia da agência. E em qualquer momento do dia, transferências acima de R$ 1 mil reais só poderão acontecer mediante pedido no canal digital do banco que leva em média 1 dia para aprovação.

Confira as demais medidas:
1. Usuários poderão deixar uma teto menor para transações financeiras que ocorram no período da noite;
2. Para transações acima de R$ 1 mil no período da noite, as contas deverão ser cadastradas;
3. Novo prazo mínimo de 24h para realização do cadastro de contas nos canais digitais;
4. Durante a noite os usuários poderão ter operações retidas por 30 minutos durante o dia e 1 hora à noite para análise de riscos.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp