Libertadores: Atlético e Palmeiras empatam em 1° semi-final

Palmeiras aposta na defensiva e sai satisfeito com o resultado

Com tática ofensiva totalmente nula, Abel Ferreira chegou a ser elogiado na entrevista coletiva, mas não agradou torcedores uma vez que tal tática não se aplica a um time dessa proporção e agir como time pequeno contra um adversário de mesmo nível jogando em casa, não é justificável para alguns.

O atlético teve domínio de bola em grande parte do jogo, Hulk teve a chance de gol com pênalti marcado por Gustavo Goméz mas cobrou na trave e saiu da partida se sentindo culpado pelo empate.

Abel fez três substituições ao longo do 2º tempo com a saída de Felipe Melo, Dudu e Luiz Adriano entraram em campo Danilo, Wesley e Deyverson. Cuca trocou Zaracho por Vargas.

Nos últimos minutos, outra chance de gol surge para o Galo com cobrança de falta feita por Hulk mas nada de gol marcado. A técnica defensiva levou a melhor dessa vez.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp