Homem que pediu prisão de ex-companheira é preso por descumprir medida protetiva

O homem é agente de segurança e alegou que foi vítima de ex-namorada

Sirley Santiago dos Santos, de 38 anos, foi preso nessa quarta-feira (13) por ordem da Justiça por descumprir uma medida protetiva de urgência da Lei Maria da Penha. A medida foi tomada em maio deste ano a favor de Camyla Figueredo, 24 anos, sua ex-namorada.

A Policia Civil declarou que Sirley descumpriu a medida e há sinais de que o agente tenha cometido injúria e ameaça contra Camyla. Durante a apreensão, a Policia encontrou um simulacro de arma de fogo do tipo pistola.

O relacionamento entre Sirley e Camyla foi parar nos noticiários após uma briga que deixou Sirley em coma por alguns dias no HGP, após receber alta o agente denunciou que foi agredido por Camyla.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp