Familiares e amigos próximos se despedem de Brito Miranda

Cortejo aconteceu na manhã desta segunda-feira (27).

José Edmar Brito Miranda, conhecido como Brito Miranda, pai do ex-governador do Tocantins, Marcelo Miranda, morreu nesse sábado (25) após uma parada cardíaca no hospital Beneficência Portuguesa, em São Paulo. O cortejo fúnebre aconteceu nesta segunda-feira (27), o corpo foi velado na igreja São José e será enterrado no cemitério Jardim das Acácias, em Palmas.

Após a cerimônia, o caixão será levado em uma viatura do Corpo de Bombeiros até o local do sepultamento.

Brito foi internado na UTI de um hospital palmense no início de dezembro, na época, passou por um cateterismo e foi transferido no dia 19 de dezembro pra São Paulo, com problemas sérios no coração. Ele não resistiu após contrair uma bactéria e sofrer uma parada cardíaca.

“Um grande pai, um grande esposo, um grande avô. Um homem de família”, disse o filho, Marcelo Miranda.

“Sempre foi um homem com um posicionamento muito firme, mas um homem equilibrado. Estava sempre pronto para sentar na mesa e discutir qualquer que fosse o problema”, lamentou a deputada federal, Dulce Miranda, também nora de Brito.

Brito Miranda é natural de Pedro Afonso e exerceu forte influência sobre a trajetória política do filho Marcelo, que foi três vezes governador.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp