Família de tocantinense que morreu na Colômbia luta para trazer corpo ao Brasil

Admilson Pereira morreu no dia 29 de janeiro, em Medellín.

A família de Admilson Pereira dos Santos, de 45 anos, tocantinense que morreu na Colômbia no dia 29 de janeiro, luta para conseguir fazer o translado do corpo até a cidade de Araguaçu, sul do estado.

Admilson foi a Medellín a passeio e chegou na cidade colombiana no dia 28 de janeiro mas sofreu um mal súbito e faleceu no dia seguinte. A família procurou ajuda do poder público para trazer o corpo ao Tocantins, mas até o momento, não obtiveram nenhuma resposta.

A família teme que Admilson seja enterrado no país como indigente, distante dos amigos próximos e familiares. A irmã, Lindiane Santos, pede ajuda à comunidade. “Nós procuramos o poder público, mas devido à burocracia, não tem nem previsão para poder ser resolvido. Então, não temos condições financeiras para bancar esse traslado do corpo, de Medellín até Araguaçu. E por isso estamos aqui, contando com a solidariedade de todos, para poder angariar recursos para poder trazer o corpo e dar um sepultamento digno a ele”, disse Lindiane em um vídeo publicado nas redes sociais.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp