Ex-prefeito de Araguaína morre de insuficiência respiratória

Joaquim Quinta tinha 88 anos e estava internado desde o dia 11 de dezembro.

O ex-prefeito de Araguaína Joaquim de Lima Quinta morreu nesta segunda-feira (20) no Instituto do Rim de Goiânia (GO), anos 88 anos. Quinta estava internado desde o dia 11 de dezembro e morreu por insuficiência respiratória.

O ex-prefeito era fazendeiro e auditor fiscal aposentado, foi deputado de Goiás e prefeito de Araguaína entre 1977 e 1982 e no segundo mandato de 1993 a 1996. Como prefeito, implantou as Avenidas Santos Dumont e Cônego João Lima e construiu o aeroporto e o famoso mercado municipal. “Nossos sinceros sentimentos a todos os familiares e amigos, que Deus possa confortar a todos neste momento de dor”, disse Wagner Rodrigues, atual prefeito de Araguaína, em nota.

Joaquim deixa quatro filhos, 12 netos e 24 bisnetos. Informações sobre velório e sepultamento não foram divulgadas.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp