Descaso em escola municipal de Palmas, mãe encontra filho sozinho e sujo com as próprias fezes.

Mãe diz que o filho de 6 anos, com o espectro autista, foi vítima de crime de abandono.

A denúncia foi contra a Escola Municipal de Tempo Integral Caroline Campelo, em Palmas. Liza Pimentel conta que ao chegar à escola, encontrou o filho sozinho e sujo em uma das salas. O menino de 6 anos é diagnosticado com o espectro autista e está matriculado na escola desde o começo do ano, mas só começou a frequentar a escola presencialmente no último mês.

Liza registrou um boletim de ocorrência após o acontecido e diz já ter percebido outros comportamentos desagradáveis dos cuidadores. Com o comportamento aversivo do filho em relação a escola, ela decidiu ir buscá-lo 15 minutos mais cedo que o de costume, foi quando presenciou a situação “Estava cheio de cocô, comendo as próprias fezes. Todo sujo, as mãozinhas e todos os brinquedos também. Se não tomar cuidado ele come mesmo. Ele não tem noção do perigo e mesmo com dois cuidadores ele estava nessa situação” disse ela.

O diretor da Secretaria Municipal de Educação, Weudes Rocha, se pronunciou afirmando que o comportamento dos cuidadores não representa toda a rede de ensino e garantiu que um novo profissional está sendo treinado para atender às necessidades da criança.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp