Corpo de ex-radialista de Miracema é encontrado 15 dias após desaparecimento da jovem

O corpo da jovem Sara Silva foi encontrado no rio Providência, em Miracema, apenas com camisa e calcinha.

O laudo necroscópico confirmou a identidade do corpo encontrado no rio Providência, em Miracema do Tocantins. A ex-radialista Sara Silva, de 19 anos, foi morta com pelo menos três disparos de arma de fogo. A identificação foi feita pelo Instituto Médico Legal (IML) de Palmas após análise da arcada dentária e das características físicas da vítima.

A jovem tinha saído de casa já 15 dias e o corpo foi encontrado no último domingo, 24, boiando no rio vestindo apenas camisa e calcinha. A mãe da vítima, Maria Arderes de Jesus Silva, compareceu ao IML e informou que as tatuagens no corpo eram iguais as que a filha tinha no braço.

A mãe contou que a filha planejava se mudar para Palmas para arrumar um emprego. Mas, nos dias anteriores a sua morte, a mãe passou a desconfiar do comportamento da filha e suspeitava de que ela estava envolvida com drogas, uma vez que já não passava as noites em casa.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp