Cercóspora: saiba como evitar o fungo e aumentar produtividade da lavoura

A cercóspora, fungo que incide sobre algumas lavouras, tem preocupado os produtores rurais. Além de lidar com as questões climáticas que já atingiram boa parte das produções de soja e milho, a doença pode ter impactos significativos para a produtividade de algumas culturas.

O agrônomo de campo da Corteva Luis Guilherme Bergamin dá algumas dicas para os produtores rurais minimizarem os impactos deste fungos nas lavouras.

“O recomendável é que o agricultor trabalhe de forma integrada, desde construir um bom perfil de solo para que a planta possa explorar melhor os nutrientes, utilizando adubação equilibrada, rotação de culturas e principalmente o uso de fungicida que seja eficaz no controle de doenças e que não cause nenhum tipo de dano na planta”, pondera o agrônomo.
Bergamin ainda ressalta a importância da assistência técnica em campo. “É necessário o apoio de um técnico para orientar o agricultor para qualquer tipo de impedimento. Quando há impedimentos químicos, é preciso realizar teste químico e corrigir o solo através de defensivos como calcário, e os impedimentos físicos, que podem ser detectado com uso de penetrômetro para avaliar a compactação do solo”, explica.

“Orientamos ao produtor ficar atento as condições climáticas e identificar a melhor janela de plantio, trabalhando de forma integrada e atingir sucesso no controle de pragas e doenças nas lavouras”, finaliza o agrônomo.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp