Cabo da PM assume cadeira Academia de Letras da Região Norte, sediada em Araguaína

Membros da ACALANTO em Araguaína

Entre os 11 novos “imortais” empossados na Academia de Letras de Araguaína e Norte Tocantinense – ACALANTO, encontra-se inserido o Cabo da Polícia Militar do Estado do Tocantins, lotado no 2° Batalhão de Araguaína, Jackson Amaral Brandão. A cerimônia de posse ocorreu no último sábado, 10, na sede da Associação Atlética Banco Brasil (AABB).

Cabo PM assina termo de posse da ACALANTO em Araguaína

O cabo Brandão assumiu a cadeira de número 14, o qual tem como patrono o escritor Monteiro Lobato. “É motivo de alegria e satisfação por parte da Polícia Militar ter um representante nesse grupo seleto da literatura que contribui com o aporte cultural no Norte do país”, afirmou o Subcomandante do 2° BPM Major QOPM Teobaldo Bento Vieira.

Fundada no dia 21 de abril de 2002, contendo 26 membros fundadores intelectuais sendo: dois padres, dois médicos, um farmacêutico e os demais professores universitários. A ACALANTO segue as diretrizes da academia francesa.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp