Agricultor de 50 anos é morto a tiros na porta de casa

Roberto Muniz Campista já havia sido vítima de uma tentativa de homicídio e sofria ameaças motivadas por uma disputa de terras.

O crime aconteceu na noite de sábado, 16, Roberto foi executado com vários disparos de arma de fogo na porta de sua própria casa, localizada no Distrito de Taquaruçu, em Palmas. Uma equipe que fazia patrulhamento no momento, foi abordada pelo filho da vítima mas ao chegar no local, encontraram Roberto já sem vida. Testemunhas afirmam ter visto dois homens em uma caminhonete que parou em frente à casa da vítima e o alvejaram com mais de 20 tiros, após a execução, a dupla fugiu em alta velocidade.

O filho de Roberto contou à polícia que suspeita de que o crime tenha sido motivado por uma disputa judicial de propriedades rurais na região. Em relato, ele afirma que os homens que o executaram, teriam ameaçado o pai recentemente.

A Associação Serra de Taquaruçu confirmou que Roberto tinha sido alvo de uma tentativa de homicídio e possivelmente o crime estaria ligado à grilagem de áreas públicas da União.

Compartilhe com facebook
Compartilhe com twitter
Compartilhe com linkedin
Compartilhe com skype
Compartilhe com telegram
Compartilhe com whatsapp